Ilhabela é um dos destinos mais bonitos do litoral paulista. Porém, também é um lugar caro e com transporte limitado.

Dicas Ilhabela
Praia Grande, Ilhabela

Como fiz um mochilão para lá em 2020 e aprendi muito sobre o destino, agora vou compartilhar essas dicas de Ilhabela para mostrar que essa viagem é, não apenas possível, mas também imperdível!

Transporte em Ilhabela

1. Não há Uber. Você pode usar os táxis próprios de Ilhabela, mas isso acaba sendo caro. Então as melhores opções são usar carro ou ônibus.

2. A barca que atravessa de São Sebastião para Ilhabela é gratuita para pedestres. Se você alugar o carro diretamente na ilha, então não pagará o pedágio da travessia, que é em torno de R$ 20,00 para carros. Além disso, não pegará o trânsito padrão de quem atravessa a balsa.

Transporte em Ilhabela
A prefeitura já dá o recado!

3. O ônibus tem valor diferente para turista e morador. Se você pagar a passagem diretamente no veículo, ela custa R$ 5,00. Porém, se você fizer o cartão de transporte da ilha e carregá-lo, cada passagem sai a R$ 2,10. Você consegue emitir o cartão bem próximo da balsa.

4. Se estiver sem carro, então verifique o horário dos ônibus. Eles não são tão recorrentes mas, pela minha experiência, são razoavelmente pontuais.

5. Se você quiser conhecer o litoral da ilha, os ônibus te atendem bem da Praia do Veloso à Praia da Armação. Destinos fora desse raio você precisará de táxi, bicicleta, carro ou barco.

Praia do Saco da Capela, litoral paulista
Praia do Saco da Capela, norte da ilha

6. Eu viajo sempre caminhando e não foi diferente em Ilhabela. Mas ela é gigante e, muitas vezes, caminhava na ida e pegava um ônibus na volta. Mesmo assim, há muitas trilhas que chegam em cachoeiras, praias e picos de montanha na ilha.

Hospedagem

7. Acampar é uma opção barata de hospedagem, mas lembre-se que Ilhabela é a casa dos borrachudos. Se o camping for muito no meio do mato, você pode sofrer bastante com as picadas.

8. É relativamente fácil conseguir voluntariado na ilha. Eu recomendo o Green Hostel Ilhabela por oferecer uma troca bastante justa e boa para o voluntário.

9. Os hostels variam de preço com a temporada. Porém, se você viajar dia de semana e fora de feriados, então consegue encontrar hostels com valores próximos de R$ 40,00. Isso considerando novembro de 2020.

Passeios em Ilhabela

10. Veja o pôr do sol na Praia do Julião. Ele é um dos mais bonitos da ilha. Além disso, dependendo do dia, você consegue ver muitos peixes no rasinho perto das pedras na praia.

11. Conheça a Ilha das Cabras. Você pode ir para lá até nadando, mas também de barco, caiaque, ou stand up paddle. A ilha fica bem próxima da praia de mesmo nome e a travessia é fácil, além de linda.

Ilha das Cabras
Ilha das Cabras, foto tirada da Praia da Ilha das Cabras

12. Conheça, pelo menos, uma das cachoeiras da ilha. A Paquetá e a Água Branca são opções de fácil acesso e bastante bonitas.

13. Faça um passeio de barco até regiões da ilha mais preservadas e distantes, como Castelhanos e Bonete.

Mirante do Coração, em Castelhanos
Mirante do Coração, Castelhanos

14. Aventure-se pelas trilhas de Ilhabela. Uma boa opção é subir até o Pico do Baepi ou fazer a trilha para a Praia do Bonete.

Dicas gerais de Ilhabela

15. Nunca esqueça de passar repelente! Eu comprei o próprio da ilha, o Citroilha e, para mim, funcionou muito bem.

16. Protetor solar, chapéu e óculos escuros serão seus amigos. O sol queima bem forte na ilha.

17. Há poucas opções baratas de restaurantes em Ilhabela. Assim, usufrua dos supermercados para tornar sua viagem mais barata. Você pode cozinhar na sua hospedagem ou comprar comida pronta.


Vai seguir pelo litoral paulista? Então também confira O que fazer em Ubatuba: trilhas, passeios e praias!

2 Replies to “17 dicas para um mochilão perfeito em Ilhabela!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *